sitelabornews

O CBAC 2018 discutiu temas importantes para setor

Palestras, workshops, expositores, novas tecnologias e muita troca de informações fizeram parte do 45° Congresso Brasileiro de Análises Clínicas – CBAC, realizado entre os dias 17 e 20 de junho no Centro de Convenções Sul América, no Rio de Janeiro. Promovido pela Sociedade Brasileira de Análises Clínicas – SBAC, o evento também foi complementado pelo 6º Núcleo de Gestão e Qualidade e o 4º Fórum de Proprietários e Gestores de Laboratórios. Mais de 2 mil pessoas, entre congressistas, palestrantes , visitantes e expositores estiveram presentes, em busca de congraçamento, inovações, novos aprendizados e aprofundamento nas diversas áreas do relacionamento profissional. Está cada vez mais aumentada a demanda por atualizações, não só de conhecimentos técnicos, mas também de avanços tecnológicos. Os laboratórios tem sido questionados, a todo momento, para oferecerem o melhor atendimento aos clientes, com diagnósticos exatos e precisos e com mais celeridade. A importância dos exames laboratoriais na cadeia do diagnóstico clínico faz com que cada mais sejam exigidas ações no sentido de qualificá-los. Essa é a meta primordial da SBAC. O Congresso também foi a oportunidade, sempre renovada, para a divulgação e discussão das demandas do setor que, há muito tempo, busca a atualização da tabela de pagamento do SUS, inalterada desde a implantação do Plano Real em 1994. Busca também desonerações tributárias, pois os impostos são recolhidos da mesma forma que empresas convencionais, inclusive aos serviços realizados ao SUS. Da mesma forma, são postuladas linhas de crédito – para investimentos em novas tecnologias. Desta forma, o CBAC aproveita todos os espaços, com o propósito de ampliar as discussões para as necessárias reformas em benefício dos Laboratórios de Análises Clínicas. Com moderação de Dr. Irineu Grinberg, Ex Presidente, o 4º Fórum de Proprietários e Gestores de Laboratórios apresentou uma programação com temas voltados à condução e o incremento das práticas comerciais e de relacionamentos pessoais e mercadológicos na empresa laboratorial, bem como a divulgação de uma nova modalidade societária: O associado da SBAC Pessoa Jurídica. Esta nova mobilidade de associativismos proporcionará, entre outros benefícios, que os Laboratórios Clínicas que aderirem ao sistema, através de uma baixa mensalidade, possam participar da Central de Compras unificadas , receber orientação contábil através de Escritório de Contabilidade especializado no Setor Saúde contratado pela SBAC para essa função. O associado empresarial terá também direito ao acesso exclusivo ao site para fazer uso das informações´ e orientações jurídicas com a possibilidade de consultar toda a casuística no que se refere ações indenizatórias de danos morais e materiais contra Laboratório de Análises Clínicas. Citou também que após de um ano de mensalidades pagas, o Associado SBAC pessoa jurídica fará jus, de forma gratuita a uma inscrição ao Congresso Brasileiro de Análises Clínicas, já valendo para o próximo, o 46° CBAC a ser realizado em Belo Horizonte em junho de 2019. Outros serviços estão previstos para serem oferecidos a essa nova modalidade societária, entre eles Assessoria Mercadológica. Ainda durante o Fórum, o diretor Presidente da VEUS Technology, Marcelo Botelho, com o entusiasmo que lhe é peculiar fez a apresentação da Parceria SBAC-VEUS, onde foi lançada a Central de Compras Unificadas. Inicialmente um pacote de produtos pré-analíticos no qual foram reunidos todos os insumos necessários à coleta de material, com materiais suficientes ao uso mensal de um laboratório de pequeno porte. Novas modalidades de pacotes e vendas isoladas de produtos também estão sendo planejadas. Todos com a chancela de qualidade firmada pela SBAC. A Dra. Janete Vaz, uma das fundadoras dos Laboratórios Sabin e Presidente do Conselho de Administração apresentou os pilares fundamentais para que o Sabin seja atualmente um dos cinco maiores Laboratórios do país – entre eles, a de que uma das causas/efeito desse crescimento seria a relação amistosa dispensada aos colaboradores. O que faz o Sabin figurar sempre nos últimos 10 anos sempre como uma das 10 melhores Empresas para se trabalhar no país. Alexandre Andrade Maçada e Jordana Rossati apresentaram trabalhos simples, diretos e eficientes em ações de marketing laboratorial, procurando demostrar que ações simples podem resultar em efeitos eficazes para o sucesso do empreendimento. Em sua participação no Forum, o Deputado Federal Ronaldo Nogueira, ex-Ministro do Trabalho, discorreu sobre o tema da Reforma Trabalhista – realizada quando ainda se encontrava no cargo –, realçando a simplificação e modernização das relações de trabalho e emprego, e também focou na reativação da Frente Parlamentar em Defesa do Diagnóstico Laboratorial, citando audiências no Ministério da Saúde, Audiências Públicas no Congresso e financiamento a juros subsidiados nos bancos oficiais para que os Laboratórios de Análises Clínicas possam se reequipar. Outros projetos virão com o 46° Congresso Brasileiro de Análises Clínicas. A ideia fundamental é que o Associado SBAC tenha sempre disponibilizadas todas as soluções para os seus desafios. Afinal, a solução para os problemas do setor laboratorial está fundamentada em parcerias, inclusive entre os Laboratórios. Concorrências, principalmente as desleais, como lembrou Marcelo Botelho durante sua fala no Fórum, servem somente para puxar toda a cadeia profissional para baixo, favorecendo de maneira pretensamente falsa e fantasiosa àqueles que preferem preço em relação à qualidade. A mensagem que permanecerá é a de que a solução para setor estará nas mãos dos Laboratórios e dos seus players.

Mostre mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close