Mulheres, nossa homenagem!


VEJA EDIÇÃO COMPLETA DA REVISTA

Dra. Margareth Dalcolmo

Médica pneumologista, investigadora principal do ensaio clínico SimplicTB da Global Alliance for Tb Research, membro do Grupo ComCiência, do estado do Rio de Janeiro, coordenado pela FAPERJ.

 

"2021 será um ano de esperança, é um ano que poderemos vacinar um grande numero de brasileiros, com vacinas produzidas no Brasil. Ou seja, vacinas brasileiras para brasileiros. A nossa expectativa é que nós consigamos, realmente, controlar a transmissão da epidemia e o número de casos graves e numero de mortes, vacinando, pelo menos, 70% da população brasileira ainda no primeiro semestre. Esse é o nosso desejo, essa é a nossa expectativa e isso é uma possibilidade real".

 

 


 

Marily Shimmoto

 Diretora Comercial Celer

 

A perspectiva para 2021 é a reconstrução do ecossistema de saúde através de inovações disponibilizadas durante a pandemia, tais como
Point Of Care, Telemedicina e novos serviços descentralizados para gerar mais acesso a população brasileira".

 

 


 

Dra. Annelise Correa Wengerkievicz Lopes

Diretora de Comunicação da SBPC/ML.

"Protagonismo da saúde, tanto em uma perspectiva individual quanto coletiva. Será um ano para investir fortemente em iniciativas de prevenção, detecção precoce e promoção da saúde, com retomada gradual do normal e amadurecimento dos novos hábitos".


 

Claudia Machado

Business Development Director na ViBe Saúde.

"É consenso que a Telemedicina trouxe inúmeros benefícios aos pacientes no cenário da pandemia, e que veio para ficar. Intensificar seu uso para atenção primária e linhas de cuidado preventivas permite racionalizar recursos do sistema de saúde, aumentando a resolutividade
e evitando desperdícios". 


 

Malu Sevieri

CEO da Emme Brasil - representante da Messe Düsseldorf e diretora da Medical Fair Brasil.

 

“Perspectivas para 2021. Isso é um pensamento bastante desafiador. Depois de um ano de 2020 que começou tão bem e em março veio a “bomba” da pandemia para todos nós, com certeza acredito que esse ano será melhor. Não só porque já estamos aqui com a vacina, mas porque aprendemos a viver com a pandemia, aprendemos o que podemos e o que não devemos fazer, aprendemos como nos reinventar. Eu acredito na retomada da economia, em todos os seus setores, alguns mais rápidos que outros, mas essa tentar passar essa positividade para a sua equipe retomada vem. Acredito que se manter positivo e fará muita diferença no resultado da sua empresa. E planejamento é uma peça primordial. O cenário não vai melhorar do dia para a noite. Mas planejese. É o que nos motiva. Sejam persistentes, sejam
positivos, façam planejamento e tenho certeza que logo logo, tudo isso vai passar. Um bom ano de 2021 para todos”.

 

 


 

Claudia Cohn 

CEO da Alta Excelência Diagnóstica e diretoraexecutiva da Dasa

 

"Ninguém está imaginando um 2021 fácil, mas o aprendizado de 2020 nos permite enxergar com clareza que governos e empresários têm que andar juntos para um estado melhor, para um país melhor. Nós teremos um ano difícil em 2021, onde muitas empresas não tiveram condições de sobreviver assim como muitas pessoas tamb´´em não. E o aprendizado de nós sabermos que a saúde é o bem maior pode transformar 2021 em oportunidade de mulheres protagonistas, em suas casas se transformarem, liderarem empresas, e de empresários tomarem a solidariedade como prática do seu dia a dia, especialmente, acesso para toda a população. Esse é o 2021 que eu acredito".

 

 


 

Claudia Fernanda de Lacerda Vidal

Médica Infectologista do Serviço de Infectologia do Hospital das Clínicas da UFPE/EBSERH, Diretora Científica e fundadora da SOBRASP

 

"A Sociedade Brasileira para a Qualidade do Cuidado e Segurança do Paciente, esteve no ano de 2020 protegendo os profissionais de
saúde e cuidando da segurança dos pacientes. Não será diferente em 2021. A entidade continuará zelando pela segurança e, protegendo os profissionais de saúde e os pacientes para a qualificação da assistência prestada".

 

 


 

Dra. Lídia Abdalla,Dra. Lídia Abdalla

Presidente do Grupo Sabin

"A crise provocada pela pandemia nos trouxe dias difíceis. Mas, também nos trouxe muitas lições. Nos adaptamos às novas rotinas e novas realidades e encontramos um mundo novo de oportunidades e descobertas. Nos reinventamos e começamos 2021 preparados para superar situações adversas. Acredito que este será um ano de muitos investimentos no ecossistema de inovação e transformação para o setor de saúde. Estamos unidos e fortes para atender a população e atuar em favor de um crescimento sustentável para o setor".


 

Marbenha Linko

Farmacêutica Bioquímica, Presidente da OFAC Brasil, Vice-Presidente do CRF-MA.

 

"É necessário colocar a cabeça no lugar para pensar estrategicamente diante da atual situação e, fazer diferente do que todos fizeram: enxergando oportunidade onde a maioria vê desafios. Neste momento ter ousadia é uma tarefa para corajosos, ainda mais quando estamos diante de tantas mudanças e obstáculos. Devemos acompanhar sempre o ritmo do mercado e nos atualizando para não ficarmos para trás. Inovação, diferenciação e digitalização serão marcantes daqui pra frente. Mas é o otimismo que nos leva a ação. E isso nunca devemos perder".


 

Maria Helena Ceravolo Lemos

Diretora de Comunicação da SBPC/ML, Farmacêutica Bioquímica, Diretora Administrativa do Laboratório UNILAB e Vice Presidente do Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios de Presidente Prudente e região

 

"Em 2020 surgiram inúmeros desafios na gestão do laboratório clínico, que nos obrigaram a antecipar mudanças, absorvê-las e adaptá-las em nossa rotina rapidamente. Aprendemos a viver tomando novas atitudes, muitas das quais farão parte de um novo cotidiano. Acredito que 2021 também será um ano desafiador para o setor de saúde, porém estamos mais fortalecidos e conscientes da necessidade de inovação em nossos serviços, visando sempre oferecer a sociedade resultados de exames laboratoriais com precisão e qualidade. Nosso objetivo é proporcionar cada vez mais uma experiência gratificante aos nossos clientes, visto que em um período pós-pandemia, todos estarão focados em possuir uma melhor qualidade de vida".

 

 


 

Maria Elizabeth Menezes, MSc,Ph.D
 

Vice-presidente da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas-SBAC, PhD em Microbiologia/Virologia-Biologia Molecular

 

"O Laboratório de Análises Clínicas e Biologia Molecular tiveram um PROTAGONISMO importantíssimo em 2020, para a confirmação da COVID-19, através da detecção do RNA viral do coronavírus SARS-CoV-2, como também no monitoramento dos parâmetros bioquímicos e hematológicos, dentre outros. Em 2021 a tônica será a vacinação e movemente os Exames Laboratoriais estarão em evidência no acompanhamento de soroconversão dos imunizados, para detectar os anticorpos produzidos pelo organismo e soroneutralização do vírus SARS-CoV-2. Além disso será necessário, a avaliação do impacto das mutações sobre a eficácia das vacinas, intervenções terapêuticas e recursos diagnósticos exigirá o monitoramento constante da evolução do SARS-CoV-2 e da imunidade do hospedeiro. Por outro lado a SBAC estará acompanhamento a situação da COVID-19 no Brasil, bem como as novas metodologias que estarão surgindo, levando os conhecimentos científicos aos laboratórios através do SBAC DIGITAL".


 

Dra. Maria de Lourdes Pires Nascimento 

MD / Hematologista, Universidade Federal da Bahia / UFBA

 

"Não aderir à vacina... é fazer um pacto com a permanência da pandemia por COVID. A justificativa é porque, aqui, infelizmente tem até
médicos que são contra tomar vacina. Tenho tido muita preocupação e TRABALHO, para explicar aos leigos em medicina e de convencer
sobre... a importância que é a VACINAÇÃO CONTRA COVID".

 

 


 

Dra. Priscila Geller Wolf

Médica alergista e imunologista, pesquisadora do IBPClin, participou do ensaio clinico da vacina anticovid da Janssen, braço da Johnson&Johnson.

 

"Temos um sonho realizado em 2021, que é a existência para covid-19, uma realidade para o Brasil e para outras populações. Temos por isso grandes perspectivas para 2021, como novos tratamentos, novas vacinas ainda a serem aprovadas, que é o entusiasmo para 2021"

 

 


 

 

Luiza Watanabe Dal Ben

Diretora do Sindhosp, Fehoesp e Grupo Dal Ben Cuidados Continuados 

"Perspectiva de que avançaremos em ética, educaremos mais corações em generosidade para entender e atender os colaboradores e, os 
clientes oferecendo-lhes a sensação de estar bem estar em casa: com esperança, vacinação, empatia, envolta em segurança técnica e
científica; humanização, discernimento e compromisso com a sustentabilidade!"-

 


 

 

Dra. Paula Távora

Médica Patologista Clínica

 

"Meu olhar para 2021 é de mais um ano difícil para nós brasileiros!! Os desafios que a pandemia da COVID 19 vem apresentando, parece que nos atinge de forma mais intensa. Eu acredito que por sermos um povo solar, solidário e muito sociável, tivemos um 2020 que reprimiu todos estes sentimentos. A chegada de 2021 representa um ano de esperança, com expectativas de diminuição do número de casos da doença COVID 19 e de suas complicações, e claro que estas expectativas se apoiam na chegada das vacinas contra o vírus SARS-CoV-2. No setor de saúde temos muitas evidências de grandes avanços e excelentes resultados na disponibilidade de testes de diagnóstico e identificação da doença precocemente, permitindo tratamento e diminuição da taxa de mortalidade, mesmo assim tivemos números elevados e reflexos negativos do nosso comportamento aglomerador durante as festividades do final do ano de 2020, trazendo para o ano de 2021 estatísticas alarmantes de elevação das taxas de transmissibilidade e do número de mortes pela COVID 19. Como não temos tratamento específico para estas viroses, temos que nos apoiar no recurso mais nobre e mais importante para mudar a história natural das doenças infecciosas que é a Vacina e a Vacinação para o maior número possível da população brasileira e mundial. Completamos agora 1 (um) ano deste advento devastador da COVID 19, e compartilho a minha imensa alegria, em assistir o mais importante evento de 2021, a chegada de duas vacinas contra os vírus que conhecíamos, até o final de 2020. As vacinas foram produzidas em tempo inédito, à custa do progresso da ciência e dos investimentos maciços. Este é um momento de comemoração, pois iniciamos o processo de reversão da pandemia, através da diminuição da circulação do vírus na medida em que aumentamos o número de pessoas imunizadas, mesmo que o tempo seja de mais de um ano, o importante é que começamos em 2021. Claro que o desafio é muito grande! E na minha opinião, este início da imunização coletiva, a despeito de todos os novos desafios, variantes do vírus e falta de imunizantes, é uma certeza de que as perspectivas para o ano de 2021 são muito boas, por nos sinalizar que podemos sonhar com a retomada da economia, com a recuperação do modus vivendi dos brasileiros, com melhor qualidade de vida, com relacionamentos saudáveis, mais alegria e mais amor!"

 

 


 

Renata Brandão

Conselheira da Associação Brasileira da Industria de Alta Tecnologia de Produtos para Saúde- ABIMED 


"Acredito que o último ano nos trouxe avanços em algumas frentes, com novas formas de trabalhar, de se relacionar e de viver. O setor da saúde, especialmente, foi diretamente impactado com o imenso número de infectados, demanda impensável por equipamentos e UTIs cheias. Como resposta, avançamos muito rápido no trabalho remoto e a telemedicina, que veio para ficar. Um ponto crítico foram os exames deixados para trás e iniciamos o ano com um alerta para que esse abandono seja retomado o mais rápido possível – diagnóstico precoce é a melhor chance de cura de qualquer paciente. Ao longo deste ano, espero acompanhar a vacinação da maior parte a população brasileira, estimulando a melhora gradual da nossa economia. Não é possível prever quando a pandemia acabará e precisamos seguir nos cuidando,
mas cabe a cada um de nós buscar ser melhor do que era e praticar mais o olhar coletivo. Ao meu ver, este é o maior aprendizado que podemos tirar de 2020. E se a promessa de dias melhores não é possível, ao menos desejo que o ano seja mais leve para todos nós".


 

Eliane Lustosa Cabral

Presidente da Labtest Diagnóstica S.A.

 

"O primeiro ano de pandemia impactou definitivamente a vida das pessoas e das empresas, levando à profundas mudanças na forma de viver, pensar, relacionar e trabalhar. Foi preciso se reinventar e ter flexibilidade para se adaptar e superar situações inimagináveis. A necessidade emergencial de soluções para o diagnóstico e o enfrentamento da COVID-19, acelerou a transformação dos processos e a inovação no segmento de saúde, em especial no Mercado de Diagnóstico In-Vitro. Evoluímos em um ano o que levaríamos mais tempo para fazer. Saímos fortalecidos, mais ágeis, com um novo ritmo para tomada de decisão e preparados para propor soluções criativas de implantação imediata. O ano de 2021 chega com a disponibilidade de vacina e a perspectiva de retomada da vida habitual, em algum momento, mas ainda com muitas incertezas e muitos desafios a enfrentar, em que a experiência e o aprendizado adquirido até aqui serão fundamentais para vencer"

 


 

Angela Satie Nishikaku

Diretora técnico-científica do Centro de Diagnóstico e Pesquisa em Biologia Molecular Dr. Ivo Ricci.

 

"O ano de 2021 começou com muita esperança, em virtude das vacinas contra a COVID-19 em nosso país e no mundo, ao mesmo tempo em que, vivenciamos momentos difíceis e de grandes incertezas quanto ao futuro. Em um panorama repleto de desafios econômicos, políticos e sociais, as ciências da saúde nunca estiveram tão em pauta em nossas vidas. Neste contexto, a perspectiva para este ano é a retomada gradual das atividades profissionais e pessoais, com planejamento e responsabilidade diante das dificuldades impostas pela pandemia de COVID-19. Devemos buscar soluções inovadoras e novas tecnologias em saúde, aliadas à pesquisa e cooperação científica para a melhoria da qualidade de vida da população".


 

Giannina Ricci, PhD 

Diretora Executiva Centro de Diagnóstico e Pesquisa em Biologia Molecular Dr. Ivo Ricci

 

"Gostaria de fazer uma analogia do SARS-COV-2 com as grandes guerras: vivemos um momento muito semelhante a uma guerra mundial (com elevadas taxas de morbidade e mortalidade, desemprego, fechamento de empresas, etc) exceto que o nosso inimigo é um vírus, o que nos torna ainda mais débeis, uma vez que nós não o vemos... mas sofremos as consequências de suas ações. Por outro lado, se pararmos para refletir, algumas das descobertas cientificas mais importantes para a humanidade foram desenvolvidas em épocas de grandes conflitos. Portanto, qual a perspectiva para este ano? Na minha opinião, é de fortalecimento e reinvenção. De que forma? Com muito
estudo e pesquisa".

 

 


 

Mariana Dinamarco Mestriner

6º ano de medicina na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

 

"Para mim, 2021 será um ano de esperança e muitos avanços dentro do universo científico. A pandemia trouxe à tona algo que muitos sabiam, mas poucos se lembravam: a ciência é o único caminho possível para o conhecimento e é a partir dela que superaremos um dos maiores desafios que a humanidade já enfrentou".


 

Profa. Dra. Ana Claudia Dinamarco Mestriner

Biomédica e docente do Centro Universitário Barão de Mauá

 

"Acredito que a pandemia deixará um grande legado para 2021. A importância da ciência, amplamente discutida na mídia, certamente despertará em muitas mulheres o interesse pela pesquisa científica".


 

Dra. Sandra Heloisa Nunes Messias

Biomédica, conselheira titular do Conselho Regional de Biomedicina 1ª Região - CRBM1.

 

"Em 2021, o ponto fundamental será a rapidez na obtenção de resultados em todos os segmentos da área de saúde, advindo do grande esforço multiprofissional e multidisciplinar, e da pressão para salvar vidas. A atitude de competição profissional se transformará, cada vez mais, em colaboração mútua. O acompanhamento do ritmo das mudanças proporcionará a expansão da base de conhecimento sobre as habilidades profissionais. A tecnologia ganhará um espaço de destaque cada vez maior no mercado de trabalho"


 

Fernanda Dabori

Presidente da Advice Comunicação Corporativa

 

"Acredito que a pandemia colocou uma lupa na sociedade para que as pessoas pudessem enxergar o que realmente importa. E a saúde é fundamental e merece especial atenção. Não apenas nos cuidados com o novo coronavírus, mas com os cuidados em geral, que precisam ser intensificados, lembrando que a baixa imunidade nos deixa ainda mais vulneráveis ao COVID-19".


 

Renata Vaz de Mello

Diretora Executiva/Farmacêutica /
CEO RenyLab


"Minha expectativa para o ano de 2021 é de recomeço e reinvenção. Após uma situação completamente nova experimentada em 2020 com a pandemia de coronavírus, acredito que as pessoas e organizações vão precisar se reinventar e adaptar suas relações interpessoais e relações de trabalho a uma nova realidade de convívio social e profissional".


 

Irene Mangolini 

CEO Laborclin

"Tivemos que nos reinventar em 2020 e uma das iniciativas que tomamos foi produzir os kits para coleta do vírus da Covid19. Fomos os primeiros fabricantes a produzir 100% no Brasil. Até então a Laborclin era voltada especificamente para bactérias e agora ampliamos nosso portifólio para vírus. Para 2021 as nossas expectativas são boas e acreditamos que o mercado para diagnostico será ainda melhor. Agora temos a vacina como algo real e isto gera confiança no meio empresarial e também no cliente final. As pessoas perceberam que apesar da pandemia ainda persistir, todos nós precisamos continuar nossa rotina de cuidados da saúde. Retornamos as consultas médicas, aos tratamentos contínuos e consequentemente a fazer exames de diagnostico. Fato é que nada será como antes. Nesse novo normal o timing: inovação e resiliência serão essenciais para as organizações superarem os desafios. Desde 2018 estamos investindo fortemente no markenting digital em especial no E-commerce, agora em 2021 nossos esforços serão redobrados nesta área. Ampliamos nossa área de exportação e buscando novas receitas. Estamos realmente confiantes em 2021 e acreditamos no Brasil. Acreditamos que este será um ano extraordinário para aqueles que estiverem preparados. Nada será fácil, mas muito será possível para as empresas que estiverem estruturadas, com bom planejamento estratégico, equipes de alta performance e capacidade de investimento".


 

Daniela Camarainha 

CEO YouCare

 

"Sabemos o quanto os profissionais da área da saúde necessitam e desejam evoluir suas estratégias e melhorar os seus resultados. Queremos tornar o marketing uma área ainda mais importante e responsável pelo sucesso das empresas".


 

Verônica Szuster 

Sócia-diretora da MedLevensohn

 

"Assim como em 2020, nós da MedLevensohn acreditamos que 2021 será um ano muito complexo para o Brasil e o mundo. Obviamente, nossa expectativa maior é relativa à chegada da vacina para todos, possibilitando que vençamos a terrível pandemia o quanto antes. Contudo, acreditamos também que o cenário devastador do ano passado fará com que todos possamos fazer uma profunda autorreflexão quanto ao nosso modo de agir com o próximo, a respeito da nossa forma de nos relacionar com o meio ambiente e de como temos exercitado pouco os nossos valores enquanto cidadãos. Estamos passando, sem nos dar conta, por uma grande revolução de hábitos e costumes, que certamente influenciará as próximas gerações em tudo: alimentação, vestimentas, temas das conversas e interações das pessoas na sociedade e formas de comportamento. E nós, mulheres, certamente, temos uma contribuição importantíssima e fundamental em todos os aspectos que mencionei acima. Além de cada vez mais estarmos conquistando nossos espaços em posições decisórias em grandes empresas, na política, economia e outros setores primordiais, somos o elemento que proporciona o equilíbrio para todas essas mudanças, pois ainda exercemos o papel de grandes mediadoras do convívio doméstico e, já em muitos casos, o de grandes provedoras da renda das famílias. Feliz Dia Internacional da Mulher para todas!"

 

 


 

Karen Barboza

 Gerente da Qualidade – DB Diagnósticos do Brasil.

 

"A Pandemia da COVID-19 nos obrigou a repensar valores, família, trabalho. A perspectiva para 2021 é valorizar o que é precioso para cada um, valorizar a vida, o autocuidado, o cuidado com o próximo. Os desafios permanecem. A necessidade de se reinventar, pensar
diferente, motivar sua equipe mesmo sem enxergar uma solução, precisam ser praticados diariamente. és no chão, com planejamento à curto prazo, sempre mitigando os riscos e possíveis imprevistos na busca contínua do equilíbrio entre o desejável e o realizável para a manutenção e melhoria dos processos de qualidade."

 

 


 

Luciana Damasceno

Gerente de Produtos e Inovação - In Vitro Diagnóstica.

 

"Apesar das consequências ainda vividas em decorrência da COVID-19, como parte da equipe científica da “In Vitro Diagnóstica” que trabalha na constante atualização de pesquisas e no desenvolvimento de tecnologias em prol da saúde, estou otimista com os avanços da ciência no Brasil e no mundo. A pandemia nos trouxe uma série de reflexões, mas sigo confiante de que sairemos fortalecidos e tecnicamente mais preparados para o futuro".


 

Dra. Nadjara Novaes Longen

Diretora Executiva /
Responsável Técnica Ebram Produtos Laboratoriais

“2020 foi um ano de muitos desafios e aprendizados, principalmente para o sistema de saúde global, que com a pandemia, teve exposto suas fragilidades e vulnerabilidade. No nosso segmento de diagnóstico, a pandemia mostrou a importância das empresas investirem de forma mais intensa em tecnologia, planejamento e poder de reação. Sob uma perspectiva otimista, acredito que 2021 ainda será um ano muito desafiador, exigindo que todos tenham ainda muita cautela, paciência e resiliência, porém com ganhos importantes como o aumento da consciência da população sobre pesquisas, diagnóstico e prevenção”.


 

Dra. Karina Cardozo

Química, com doutorado em bioquímica, pesquisadora do Grupo Fleury, liderou juntamente com o pesquisador sênior Valdemir Carvalho o desenvolvimento de um exame inédito no mundo para
diagnóstico da COVID-19, publicado na revista científica Nature Communications, das mais prestigiadas e relevantes do mundo.

 

"Será um ano melhor, a vacina chegou, resultado de um trabalho incansável dos profissionais de saúde ao redor do mundo. Há
um legado de conhecimento que foi construído, que nos deu possibilidade de entender mais a Covid-19, e vencer essa batalha".

 

 


 

Dulcelene Mucelini 

Diretora Comercial & Pós-Vendas da Labtest Diagnóstica S.A.

 

"O advento da COVID-19, crise única, de ordem mundial, diferente de tudo o que pudéssemos prever, nos mostrou que é preciso ficarmos atentos e preparados para atendermos com rapidez as necessidades do mercado de diagnóstico, pois é também nosso papel prover soluções e minimizar os impactos sofridos pela sociedade. A pandemia nos fez perceber o quanto ainda somos dependentes do mercado externo e como é importante valorizarmos a indústria nacional e os nossos profissionais, das mais diversas áreas da saúde. É preciso investir na pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias e no progresso da ciência brasileira. Nessa crise sem precedentes, de perdas indiscutíveis, tivemos a oportunidade de crescermos como pessoas e profissionais. O isolamento social nos levou ao autoconhecimento, ao fortalecimento dos laços familiares e nos fez refletir sobre coletividade, valorização da vida, resiliência, respeito e cuidado com o próximo. Para 2021, acredito na retomada dos negócios, na constante busca por novas tecnologias e produtos, sempre de maneira responsável, com perspectiva positiva e otimista. Para um cenário mais seguro, a manutenção das medidas preventivas é fundamental, independente do alento que traz a campanha nacional de vacinação. Estamos mais preparados para as tomadas de decisões e para enfrentarmos os obstáculos e incertezas do futuro".


 

Carolina Camargo

Farmacêutica responsável / Diretora comercial - Décio Camargo.

 

"Estamos enfrentando uma crise desafiadora e imprevisível e acredito que as vacinas ajudarão o Brasil a sair dela. Temos que levar em conta que não será atingida a imunização a curto prazo e enquanto isso o vírus segue se propagando. A humanidade terá de lidar com as consequências geradas pela Pandemia, como o impacto econômico, social e psicológico. milhares de pessoas sem emprego, fechando seus negócios e crianças interrompendo seus estudos; superar todos esses problemas não será algo fácil. Precisamos ter maturidade para enfrentar o que está acontecendo e entender este novo normal como uma mudança de comportamento. A Décio Camargo Brasil distribui há mais de 40 anos produtos e equipamentos laboratoriais, em 2020 atuamos fortemente na distribuição de itens do combate à Covid19 e intensificamos investimentos na digitalização de processos internos. Como as novas demandas geradas pela Pandemia causaram uma ruptura no ‘budget’ dos fabricantes, investimos no aumento dos estoques para evitar o desabastecimento. Fizemos no ano passado o nosso 1º WorkShop Virtual com a participação de mais de 100 clientes de todo o interior Paulista e já estamos preparando para 2021 o 2º WorkShop Virtual. Este é um ano de muito planejamento, conscientização ainda maior de novos hábitos de saúde, concretização da transformação digital, investimento em pesquisa e num cenário pós pandemia nos tornaremos ainda mais tecnológicos, mas sempre melhorando a interação com nossos clientes e parceiros".

 

 


 

Dra. Claudia Meira

presidente do 54º Congresso Brasileiro de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial.

 

"Durante a pandemia, a Patologia Clínica tem sido protagonista no desenvolvimento e validação de testes laboratoriais de forma ágil, garantindo a qualidade dos testes ofertados. Também buscamos estimular discussões técnicas com outros profissionais de saúde
para interpretação e aplicação dos testes para diagnóstico e acompanhamento da COVID 19, pois o vírus SARS-CoV-2 tem
comportamento bem diferente das demais doenças infeciosas que temos experiência. Para 2021 espero que todos tenham acesso à
vacina e continuem se cuidando, para que possamos nos encontrar no 54º Congresso Brasileiro de Patologia Clínica e Medicina
Laboratorial que ocorrerá em São Paulo, em setembro de 2021".


 

Ana Paula Cotrim 

 Sócia/diretora Cecon

 

"2021 será mais um ano desafiador, o aprendizado com a Pandemia em 2020 e os direcionamentos políticos e econômicos mostrarão o rumo na área da saúde, infelizmente usada como barganha e não como política de Governo".


 

Mirela Chagas Cordeiro Pires 

Diretora Executiva - Lab Rede.

 

"Após um ano de 2020 com tantas incertezas, reflexões e aprendizados, vejo 2021 como uma grande oportunidade de escrevermos um novo capítulo da nossa história profissional e pessoal. A pandemia evidenciou que ciência e tecnologia salvam vidas, mas que ainda falta um reconhecimento maior. Também vimos o agravamento da desigualdade social em nosso país, reforçando que esta pauta deve ser prioridade para que possamos sonhar com um futuro melhor. Ainda teremos grandes desafios pela frente, mas a vacina nos traz esperança. E é com esse olhar de fé, esperança e gratidão pela vida, que coloco minha perspectiva para 2021".


 

Maria Luiza Fenerich Honório Ferreira 

Sócia Diretora Centerkit.

 

"Cremos em um cenário otimista, com esperança e confiança nas vacinas. Assim teremos, definitivamente, a proteção, para uma vida mais tranquila e de volta para nossa rotina".


 

Myrian Dumont Farace

Diretora Técnica - Lab Rede

 

"A pandemia escancarou nossa enorme vulnerabilidade associada à nossa gigantesca desigualdade social. Constatamos que não há força
econômica ou política que possa levar o mundo em segurança sem o apoio e o respeito à ciência e à vida. Vimos ações isoladas e pontuais
de empatia, solidariedade e preocupação com o outro. É nesse cenário que coloco minha perspectiva para 2021. Sem a utopia do mundo
perfeito, mas com a certeza de que é possível um mundo melhor se reduzirmos as disparidades e nos sensibilizarmos para a realidade ao
nosso redor. Ainda será um ano difícil. Espero que tenhamos mais humanidade, mais respeito ao próximo e que, apesar da vida ser
um sopro, possamos fazer dela uma grande ventania movida pela cidadania para todos e não apenas para alguns".


 

Graciele Boscatto Gusso

formada em Farmácia em 2007, sócia co-fundadora e responsável técnica da Neolab Import

 

"O Início da pandemia nos trouxe insegurança, incerteza do que viria dali para frente.Por fim, lembramos do nosso propósito e pensamos:
agora é o nosso momento de contribuir, de ajudar e, de sermos fortes e impactar nossa noção que certamente irá precisar muito de nós”. Traçamos a estratégia sem medo, arriscamos muito e com a sabedoria de que estávamos arriscando no momento certo para a nossa missão e enfrentamos o ano de forma absolutamente brilhante. Ajudamos muito com campanhas e doações, trouxemos diversos produtos extremamente necessários que estavam em falta no mercado no momento mais crítico da pandemia. Nossa perspectiva para 2021 é um cenário também incerto em muitos aspectos, mas uma coisa temos certeza, vamos arriscar mais, crescer de forma organizada e pensada.
Estamos muito focados neste ano, com objetivos e metas muito audaciosos, mas bem estruturados e sempre pensando no compromisso que temos com o próximo".


 

Dra. Leila Adesse

Pediatra, Coordenadora da Área da Saúde das Mulheres da Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro

 

"Esperamos que no início de 2021 consigamos trabalhar com a ideia de acesso das gestantes e das mulheres em idade fértil à vacinação. Pois, em 2020 tivemos duplo desafio: garantir acesso para as mulheres grávidas com sintomas de covid e aquelas sem sintomas. Podemos também retomar os serviços de coleta de material para papanicolau, o exame de prevenção ao câncer uterino".

 

 


 

Cristina Bertolino 

Diretora de Governança e Desenvolvimento Organizacional da Shift, empresa de Tecnologia da Informação especializada em medicina diagnóstica.

 

"Diversas alternativas têm surgido para buscar receita e equilíbrio do ecossistema e a tecnologia se apresenta como essencial para segurança, conveniência e atendimento dos pacientes e de toda rede de saúde. Hoje, mais que nunca, lidamos com o desafio de humanizar a tecnologia, sempre com o cliente no centro de nossos cuidados e com a visão de toda a cadeia de valores da saúde, que precisa se unir para enfrentar esse período e potencializar a retomada em 2021".


 

Kelly Casimiro 

Psicóloga e Mentora de Líderes, Sócia Fundadora da Desenvolvere Assessoria e Educação Profissional .?

"Eu acredito que a área da saúde está adentrando uma nova era, pautada na junção entre Tecnologia & Pessoas, haja visto exemplos vividos com a telemedicina. 2020 nos mostrou o quanto é necessário estar atento a essas duas vertentes e que uma sem a outra se torna falha. Da mesma forma, também é necessário voltar nossa atenção ao desenvolvimento de lideranças para que possam conduzir essa mudança de forma consistente e assertiva, promovendo o engajamento dos times.".


 

NOSSOS PARCEIROS